8 de setembro de 2018

Vereadores e ex-parlamentar são condenados por corrupção passiva em Frutal

Os vereadores da Câmara Municipal de Frutal, Ricardo Soares da Silva (PTdo B), Romero Silva de Menezes (PRTB) e o ex-vereador Sinomar Borges foram condenados pelo crime de corrupção passiva por, segundo o Ministério Público Estadual (MPE), terem recebido propina para eleger a Mesa Diretora da Casa em 2014.
A sentença em primeira instância foi proferida pela Vara Criminal da comarca de Frutal no dia 15 de agosto e cabe recurso. O G1 procurou os advogados e réus para se manifestarem sobre o assunto.
Romero informou que já recorreu da sentença e que advogados dele irão se manifestar apenas após a decisão do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG).