24 de outubro de 2018

MPF denuncia dono de farmácia por fraude no programa Farmácia Popular

O Ministério Público Federal denunciou o proprietário de uma farmácia em Fernandópolis (SP) por fraudes no Programa Farmácia Popular. Segundo o MPF, o empresário é acusado de estelionato por ter simulado a venda de medicamentos entre janeiro de 2013 e abril de 2015 por meio do programa.
De acordo com a denúncia, ele teria obtido o valor de R$ 745 mil, com a fraude. O empresário também é alvo de ação por atos de improbidade administrativa, por ter causado danos aos cofres públicos.
O Farmácia Popular é um programa do Governo Federal realizado em parceria com prefeituras municipais do país e que tem o objetivo de fornecer medicamentos de uso comum a preços reduzidos.
A apuração começou depois que a Polícia Federal recebeu uma denúncia anônima. As investigações apontaram que o empresário utilizava nomes e números de CPF de pessoas mortas e até de funcionários do estabelecimento. Dessa maneira, ele tinha a liberação dos repasses indevidos.