7 de novembro de 2018

Constroeste é condenada em R$ 110 mil por acidente

A empresa Constroeste foi condenada a pagar uma indenização de R$ 110 mil e mais pensão para a dona de casa Eliana Araújo Bedas Macedo, que perdeu o marido, Ronaldo de Oliveira Mendes, em acidente de trânsito em maio de 2012, BR-153, em Icém. A moto em que o casal estava foi atingida por um caminhão da empresa que, segundo a defesa do casal, teria entrado imprudentemente na rodovia, sem dar chance do motociclista evitar a colisão.
Ronaldo morreu no local do acidente, Eliana foi socorrida em estado grave até o Hospital de Base de Rio Preto. Passados seis anos do acidente, ela ainda tem sequelas e vai passar por uma cirurgia plástica no rosto.